segunda-feira, 5 de maio de 2014

Ditos populares!

Em Portugal, nos velhos tempos, trabalhava-se de sol a sol, ou seja, enquanto houvesse luz do dia para dar o corpo ao manifesto. Alguns anos antes do 25 de Abril, começou a haver legislação e foi imposto o limite de 48 horas semanais, mas ainda e sempre deixando o mundo rural de fora. Mais tarde, suponho que em 1991, passou-se para 44 horas e foi prometido que a pouco e pouco se caminharia no sentido de chegar às 40 horas, coisa que aconteceu ainda antes do início do Século XXI.
Quando abandonei a Marinha e entrei no meu primeiro emprego, comecei com um horário de «semana inglesa» que é aquela em que não se trabalha ao sábado à tarde. Depois de passar pela emigração arranjei outro emprego em que já se aplicava a semana americana, ou seja, sábado completamente livre.
Esta famosa semana americana que se tornou banal no nosso país deu origem a um dito popular que todos devem conhecer - nunca mais é sexta-feira! Possivelmente terá sido copiado, ou imitado, daquele que se usa na América - Thanks God it's friday!
Mas existe um outro dito popular que deve ser tipicamente português, por causa da fome que fazia roncar as tripas dos trabalhadores conforme os ponteiros do relógio iam avançando e que os fazia suspirar e dizer, de vez em quando - nunca mais é meio-dia - a pensar na hora do tacho.
Até aqui tudo bem, só que agora apareceu um amigo meu a jurar que esse ditado tem origem na Suíça e foi inventado por causa de um relógio (que podem ver aqui ao lado) que tinha uma mulher nua a servir de ponteiro das horas e um homem nu a servir de ponteiro dos minutos. E, como é fácil de perceber, só ao meio-dia estavam um em cima do outro, o que terá dado origem ao ditado.
O Povo sempre arguto e atento às coisas que mexem com ele, seja o estômago, ou ... um pouco mais abaixo!

1 comentário:

  1. O meio dia é para todos!
    O almoço é só para quem o tem
    Os ponteiros dos relógios são loucos
    Quando em cima um do outro estão bem!

    ResponderEliminar

Sem o vosso comentário o blog não tem qualquer valor